Retificação de agulha hipodérmica

Retificação de agulha hipodérmica

Retificação de agulha hipodérmica

No processo de retificação de agulha hipodérmica, a ponta da agulha é retificada por material sólido em uma passagem. O setor médico muitas vezes exige a retificação em liga extremamente alta e materiais de aço inoxidável.

Além da duração do rebolo, a ausência de rebarbas é um dos critérios mais importantes para este processo. Ou seja, as arestas de corte (externo) e aros (interno) produzidos pelo processo de retificação não devem conter qualquer tipo de rebarbas, pois isto pode resultar em um aumento da dor ao paciente quando a agulha é utilizada e houver um "desgaste" das extremidades do local de injeção, o que, por sua vez, iria prolongar desnecessariamente a cicatrização da ferida.

Uma escolha apropriada para esse processo de retificação é o rebolo de carboneto de silício ligado por resina com um tamanho de grãos entre 400 e 600.

ATLANTIC GmbH
Gartenstr. 7 - 17
53229 Bonn
Germany

Tel.: +49 (0) 228 408-0
Fax: +49 (0) 228 408-290
E-Mail: infoqRWhaiQeqBuxY5qXhWmwnatlantic-bonnde